Vacinação não causa autismo

em Acessibilidade/Capacitismo/Ciência/Direitos Humanos/Saúde por

 

Então… Eu precisava falar sobre isso.

Infelizmente várias pessoas – e não são pessoas comuns, pessoas envolvidas na mídia e na política – tem falado sobre como autismo é causado por vacinas. Até mesmo o pré-candidato à presidência dos EUA Donald Trump afirmou em rede nacional que vacinas precisam ser combatidas pelos males que trazem às crianças e como podem causar autismo. Chega a ser surreal.

Não só não há nenhuma evidência que mostre alguma relação entre vacinação e autismo, como é uma forma bem ingênua de enxergar a situação. Existem diversos casos de crianças que não são vacinadas e mesmo assim não deixam de apresentar sintomas do autismo.  A alegação de que as vacinas não causam, apenas “agravam” casos de pessoas predispostas a terem autismo também é uma mentira.

Vacinas não causam autismo
Vacinas não causam autismo. O debate acabou. Rejeitado pela comunidade médica. Rejeitado pela comunidade científica. Rejeitado pela comunidade de pesquisadores. Rejeitado pela comunidade autista. Rejeitado por pessoas com autismo. Esse mito foi detonado pela ciência.

Um estudo publicado no JAMA (Jornal da Associação Médica Americana) demonstra que não há qualquer conexão entre as vacinas e o autismo. Mais que isso, mostra que não foram influenciados nem mesmo os casos onde a criança era irmã mais nova de alguém com autismo – casos esses de alta reincidência de autismo na família. Entre os participantes envolvidos, haviam crianças de 0 a 5 anos entre 2001 e 2012 e que também eram irmãs mais novas de alguém com autismo. Ele pode ser lido na íntegra, em inglês, aqui.

Garota autista, com esclerose múltipla, intersexo. Seguidora do Yōkaishugi. Atualmente por mal poder sair de casa mais e por ter sido forçada a sair do ensino superior por pessoas capacitistas, se foca no combate à opressões de modo geral, nas páginas Capacitismo é crime de ódio e Pelo Direito das Minorias.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*