Por Todas Elas: mulheres em Arapiraca protestam pelo fim da cultura do estupro.

em Direitos Humanos/Feminismo/Notícias por
Foto de Rosely Lúcio
“A cultura não faz as pessoas. As pessoas fazem a cultura. Se uma humanidade inteira de mulheres não faz parte da nossa cultura, então temos que mudar nossa cultura.”(ADICHIE. 2014)

No ultimo dia 04/06/2016, um grupo de mulheres na cidade de Arapiraca, agreste alagoano, foi às ruas reivindicar o fim da cultura do estupro e pedir justiça sobre o caso da adolescente que foi estuprada por 33 homens no Rio de Janeiro. O ato Por Todas Elas-Arapiraca, tomou às ruas da cidade com brilhantismo e coragem mesmo diante dos assédios e intolerância por parte de homens que circulavam pelas ruas, deixando inequívoco, o quanto o patriarcado quer silenciar a voz feminina e perpetuar a cultura de violência e dominação sobre as mulheres.

13312876_823436301090430_6416628827357162727_n
“Por todas elas, por todas nós.”

Em Novembro de 2015, mulheres se organizaram nessa mesma cidade do agreste alagoano e ganharam às ruas pelo fim da violência contra a mulher. Desta forma, é notório que cada vez mais os movimentos feministas têm crescido e ganhado força por todo o país. O número de mulheres feministas no agreste alagoano vem aumentando significativamente e é possível observar, através da série de manifestações e diversos eventos pautados na desconstrução do patriarcado que ocorrem nesses últimos anos. Diante disso, a sociedade brasileira e em particular alagoana, só tem a ganhar.

13325558_823438714423522_9181824213421689957_n

Acadêmica em História pela Universidade Estadual de Alagoas, membro do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB-UNEAL) e Grupo de Estudos Feministas Dandara-UNEAL, amo gatos e café com canela, feminista interseccional, filha de Obaluayê e Yansã, e nordestina.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*