Comunicar pra revolucionar

Category archive

Feminismo

Um olhar feminista sobre o candomblé.

Cultura/Feminismo/Religião por

Pensar uma ótica feminista sobre o culto aos Orixás, não significa dizer que o Candomblé é uma tradição religiosa pautada pela perspectiva revolucionária da ausência do patriarcado. O candomblé é uma reorganização do culto às divindades africanas aqui no Brasil, ou seja, embora sendo essencialmente de natureza africana, é ainda, reorganizado dentro de uma estrutura que se fundou sob os pilares europeus, logo, sofrendo a influencia do patriarcado europeu e cristão que aqui se consolida, em contrapartida, uma tradição construída por mulheres e que, o feminino ocupa grande lugar de destaque na prática e na mitologia. Em África também há…

Leia Mais

As guerreiras cor de rosa

Para quem acha que uma única cor sintetiza o que é ser mulher, não sabe ainda como é possível perverter o status quo!   Índia Um país cuja extensão territorial é menos da metade do Brasil, mas que abriga nada menos do que 1,252 bilhões de pessoas, quase dezessete vezes o numero de brasileiros! Visualize: a densidade demográfica do Brasil é de 23,8 habitantes por km quadrado, na índia é 395,40 hab/km². Sabe-se que a violência contra as mulheres é comum no mundo todo, mas na Índia, os índices estão acima da média mundial. São comuns a tradição ilegal dos…

Leia Mais

Por Todas Elas: mulheres em Arapiraca protestam pelo fim da cultura do estupro.

No ultimo dia 04/06/2016, um grupo de mulheres na cidade de Arapiraca, agreste alagoano, foi às ruas reivindicar o fim da cultura do estupro e pedir justiça sobre o caso da adolescente que foi estuprada por 33 homens no Rio de Janeiro. O ato Por Todas Elas-Arapiraca, tomou às ruas da cidade com brilhantismo e coragem mesmo diante dos assédios e intolerância por parte de homens que circulavam pelas ruas, deixando inequívoco, o quanto o patriarcado quer silenciar a voz feminina e perpetuar a cultura de violência e dominação sobre as mulheres. Em Novembro de 2015, mulheres se organizaram nessa…

Leia Mais

Mulheres articulam protesto contra cultura do estupro no Agreste alagoano.

No Brasil, a cada 11 minutos, uma mulher é vítima de estupro de acordo com os dados do 9º Anuário Brasileiro de Segurança Pública. Recentemente, lidamos com o caso de uma jovem de 16 anos que foi estuprada coletivamente por trinta homens no Rio de Janeiro.Não obstante, os casos de estupro e violência contra a mulher não se resumem a acontecimentos como este, onde expressam a mais bruta e explicita violência. A violência contra a mulher se manifesta de várias formas e a isso chamamos de “cultura do estupro” Há semanas, milhares de mulheres protestaram em diversas cidades contra a…

Leia Mais

Educação alagoana: sonhos roubados e a luta pela liberdade.

Neste sucinto texto levanto implicações acerca da educação enquanto prática libertadora, analisando desta forma a Lei “Escola Livre ” cujo autor, Deputado Ricardo Nezinho, foi aprovada recentemente pela Assembleia Legislativa de Alagoas e, como essa lei compactua para a manutenção da cultura patriarcal que adultiza meninas entre 10 a 17 anos de idade conduzindo-as ao que chamamos de “casamento infantil”. Tendo em vista a Educação como elemento chave para transmudar a sociedade e o evidente ataque à liberdade de expressão por parte dessa lei.. A Educação Básica Alagoana está entre as mais precárias do país; escolas públicas com péssima infraestrutura…

Leia Mais

Mulheres do Candomblé: força e opressão

As violências causadas pelo patriarcado atingem a todas as mulheres, mas essa violência se dá de formas diferentes em cada grupo social, não podemos dizer que uma mulher branca de classe média sofra a violência da mesma forma que uma mulher negra e pobre, e então, adicionamos mais uma categoria; negra, pobre e candomblecista. Além da violência de gênero, classe social e raça, também o preconceito religioso, que por se tratar de uma religião de matriz africana não se separa da violência racista, uma vez que a estrutura social ocidental, branca e patriarcal tende a demonizar o que for de…

Leia Mais

MULHERES NA PRODUÇÃO DE LITERATURA FICTÍCIA

Este breve texto é baseado em observações e leituras acerca das mulheres na produção de literatura fictícia, tomando como base o pensamento de Virginia Woolf e trazendo essas implicações para o contexto das mulheres no Brasil, sobretudo as mulheres pretas e pobres. Ao me debruçar sobre a obra de Virginia Woolf “Um teto todo seu” passei a refletir sobre todas essas mulheres na produção de literatura fictícia e outros gêneros e o discurso pejorativo em torno do termo “academicismo” nas discussões sociais. O que uma coisa tem a ver com a outra? Buscarei responder a pergunta na medida em que…

Leia Mais

Mulheres, nós somos fruto do pecado?

O dia Internacional da Mulher é celebrado dia 08 de março. É quando ganhamos flores. Muitas flores: rosas murchas, dobradiças de papel, flores desenhadas. Contudo, a cortina cheirosa esconde uma realidade alarmante. Segundo a bancada evangélica, vivemos num país laico-cristão e a nossa moralidade vem diretamente do livro sagrado. Para celebrar nosso dia, a bíblia tem uma mensagem especialmente carinhosa para nós, mulheres. Feministas e simpatizantes, abstenham-se. Filhas de Deus! Nós ganhamos em primeiro lugar no quesito “símbolo do pecado”. Mesmo quando vítimas de abuso físico e psicológico, somos apontadas como culpadas. Para a sociedade, somos nós que provocamos. Nós…

Leia Mais

Somos mulheres, mas não apenas isso

É consenso que o feminismo é um movimento plural. Suas diversas formas de atuação e as visões direcionadas e advindas de variadas vertentes muitas vezes trazem discordância, e o resultado é que, nesse sentido os embates, são inevitáveis. Ainda assim, parece haver algo em comum em certos discursos feministas, independente da vertente o qual se alinham: o feminismo centrado única e exclusivamente na condição da mulher na sociedade, desconsiderando todas as outras variantes que determinam o Ser mulher. Seja por imaturidade, falta de conhecimento sócio-histórico, teórico ou até mesmo pela falta de visão do feminismo como um movimento político, essa…

Leia Mais

Login

Registrar | Perdeu sua senha?
Vá para o INÍCIO