Cartoon Network acrescenta uma superpoderosa negra e recebe comentários racistas

em Direitos Humanos/Preconceitos/Racismo por

Cartoon Network, canal pago de desenhos infantis, acaba de acrescentar uma personagem nova no conhecido desenho Meninas Superpoderosas. A personagem se chama Blisstina, também conhecida como Bliss. Isso gerou comentários racistas na página. O motivo? A personagem é negra.

Para celebrar a chegada da nova personagem, a marca criou uma estampa de camisa e colocou uma menina negra para estrelar o evento.

Haters ficaram indignados com o fato de acrescentarem uma menina negra à série. Os comentários mais curtidos são todos de pessoas raivosas.

 

“Vocês não podem estar falando sério, a Bliss é pansexual e feminista também? Eu não consigo acreditar que vocês estão colocando política em desenhos animados”, reclama um comentarista que teve mais de três mil e quinhentos likes.

Mas eles se esqueceram de que as Meninas Superpoderosas é um desenho que quebra padrões. Começando pelo mais óbvio dele: colocar meninas supostamente frágeis para combater o crime. E ainda temos Docinho, a menina que não segue padrões de feminilidade.

Bliss é um acréscimo necessário à série. Especialmente agora que a luta contra o racismo parece retroceder.

Jornalista em formação. Fundadora da Ou Seja e blogueira. Meio Lia, meio Lua, prefere flores no cabelo a diamantes no pescoço.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*